segunda-feira, novembro 22, 2010

UM BOM HÁBITO 4

Desde que comecei a buscar entendimento para algumas coisas que não aconteciam comigo encontrei as idéias e informações voltadas para valorização e trabalho do pensar. Hoje sei que o pensar é uma das principais para não dizer uma das formas de transportes mais importantes em nosso meio., isto falando em comunicação.
Portanto saber pensar diferente, reajir de imediatos aos possíveis pensamentos resitentes no momento de transformação, de largar o velho pelo novo. Neste tópico não é trabalho de auto ajudar pensar positivo, criar a possibilidade de pensar diferente, pois ele é força criadora e que será impulsionado pelas escolhas confirmativas. E neste caminho o autor desta proposta nos diz que devemos ficar atentos às formas como pensamos a respeito de tudo. No trabalho, no estudo, em casa, com os amigos, com a(a) companheiro(a). Penser em ser flexível, adaptável, aberto para múltiplas possibilidades. Outro dia li em algum lugar que quando consiguimos fazer um exercício por mais de 40 dias ele tem grande chance de se torna um hábito. E pensar diferente deve ser um exercício e uma obrigação para quem busca ter uma melhor qualidade de vida.
Não é a toa que os trabalhos de fortalecimentos físicos, morais, mentais em geral usam trabalhos de mentalização, harmonização, oração, relaxamento, desconexão com o stresse diário. E não estou falando de técnicas citadas por aí afora, contudo quando queremos nos livrar do mal hábito precisamos aprender a respeitar as diversas idéias, mesmo que para nós não tenham mais valores ou peso em nossas escolhas ou conduta
.

4 comentários:

Afrodite disse...

Amiga,
Preciosas lições que vc vem nos dando!
Hábitos,principalmente os que vale a pena manter,é questão de prática!
Isso é fundamental!
Beijo!

analice disse...

Sabe, muitas vezes desprezamos pequenos habitos e que nos mantem vivos,... na verdade, eles nos auxiliam a trabalhar e transformar energias ... boa semana ...

eusoqueriadizer disse...

São coisas relativamente simples né... Mas q talvez pela correria, talvez pela rotina, a gente não consegue prestar atenção...

bjusss

analice disse...

Eu penso que na verdade é que nos deixamos descer pelos desencantos, pelos mal pensamentos, atitudes, ... um vai levando e puxando o outro quando menos esperamos... lá estamos nós deprimidos, cabisbaixos e muito debilitados,,,
por isso como dizia joão tenhamos animo!!!
Boa tarde e obrigada pelas visitas;.;