quinta-feira, dezembro 16, 2010

POR TUDO DAI GRAÇA

Esses poucos dias que passei sem poder movimentar o braço direito me fizeram refletir sobre o como muitas vezes somos tão egoístas e ingratos para com Deus, com nossos pais, nossos amigos e talvez a nós mesmos. Pois temos uma maquina maravilhosa e não somos muitas vezes capaz se nos alegrar pela boa função desenvolvida em seu conjunto e neste percalços é que paramos para pensar e analisar o quanto é grandioso o bom funcionamento e como tudo isso depende de nós querermos. Isso mesmo?! Pois tudo é resultado de um bom ou mau uso das coisas. Inclusive do pensar, das energias jogadas para fora ou para dentro de nós mesmos. Mas fiquei pensado nas idas aos médicos o quanto gradioso é o espírito e toda obra prima de Deus. Pois via crianças belas fisicamente, mas com deficiências mentais. Pessoas que apenas tem um ou não tem braços e estam buscando significar vossas vidas mesmo com a ausência.
Fiquei quase sem rumo, pois:
  1. Para tomar banho precisei de um amparato da minha querida mãe, ou seja, ela precisou aparar água do chuveiro e sentada na tampa do vaso sanitário e com o braço ensacado ela me ensaboava e olha eu ainda dizendo faz assim ou assado, me enxugava, me penteava, me vestia, passava creme na minha pele, desodorante nas axilas.
  2. Vem cuidando da limpeza da casa sozinha desde que machuquei o ombro;
  3. Colocava a medicação no meu nariz da renite alérgica, pois precisava tampar uma narina e expirar na outra;
  4. Calçava o meu tênis, meia,
  5. Nas consultas médicas sempre esta presente ou até mesmo nas vezes que precisei me apresentar na empresa nestes 15 dias;
  6. Na hora de comer então, que cortava o bife em pedacinho, colocava a alimentação na mesa de forma a facilitar para eu pegar com uma mão;
  7. Leituaras, escritas ou teclar que são coisas básicas e vitais para mim, ficaram em segundo plano, mas li algumas coisas e infelizmente não consegui comentar boa parte - Mas agradeço a todos que visitaram e deixaram os votos de melhoras;
  8. E damos boas risadas juntas com essas reflexões e do quanto somos pequenos diante da Providência Divina.
Por isso tudo, mesmo quando estiver em momentos de provas buscarei agradecer pelas diversas partes do meu corpo, da minha vida, da minha família, dos meus amigos etc.
Agradeço a ti Deus pela minha vida!!!!

4 comentários:

Elaine Canha disse...

Oi
Espero que melhores logo. Se possível faça uma forcinha pra ir pro espetáculo.É muito lindo.

Infelizmente muitas pessoas só lembram da saúde quando estão doentes.

Agradeçamos a Deus todos os dias por sua misericórdia.

Beijos

Afrodite disse...

Analice,
Por vezes só reconhecemos o qt somos privilegiados qd nos falta algo.
Desejo que tua enfermidade termine logo pra que vc se assenhorie de todas as tuas faculdades.
Melhoras e nunca esqueça de agradecer por ainda possuires um mãe.
Se fosse eu estaria completamente a mercê de minha sorte.
Beijo!

analice disse...

é verdade amiga, nao sabemos o bem sofre, que passar pelas dores com fé e boa esperança... mas vou ve se consigo ir, pois estarei afastada das atividades trabalhista pelo medico da empresa e pelo meu ortopedista.

analice disse...

é verdade afrodite, sabe, esses meses foram muito intensos... e ela foi e é minha companheira de todas as horas...graças a Deus!!!